Archive for the ‘Besteiras’ Category

h1

É disso que eu tou falando

fevereiro 6, 2009

“Sabe aqueles caras que hoje passam por ai? eles me lembram um outro cara que um dia eu conheci. Quando ele viu você não soube o que falar, por medo de ouvir uma resposta que fizesse o coração parar.”

Tou pagando a conta de 3 anos. Não esperava isso, não assim nessa intensidade. Mas é verdadeiro e é isso que pesa.

Vou carregar a bagagem por um bom tempo, quem me conhece sabe e relembra disso toda vez que escapa de mim um sorriso.

Oi mãe, achei.

h1

This is my world.

outubro 26, 2008

Um bom filho a casa torna, ditado chato, porém correto. Não sei o que me traz aqui. Meu pensamento já foi mais ingrato… sempre abria o bar livre quando eu me sentia mal.  Encontro-me muito bem, obrigado. Entretanto, acho que devia isso a  mim  mesma, ter o meu espaço de volta, mesmo que de vez em nunca.

Quando fiz o post do dia 11 de Julho, jamais poderia imaginar que  proporção meu vício tomaria. Li 3 livros da saga Twilight em 4 ou 5 dias  e  passei o restante das minhas férias ansiosa pra o lançamento do 4°  livro. Um imprevisto ocorreu nesse meio tempo: o livro vazou na internet.  Já tinha projetos de ter um blog com minhas amigas de Mirc sobre  Twilight, chamar-se-ia “Ice and Fire”, como o poema de um dos posts  passados. Mas algo mais grandioso nos aguardava, esse, ganharia o  nome  de Foforks. Não, não ficamos no blog. Em 1 dia ou 2 tivemos visitas consideráveis e viramos um site, com domínio .com.br e tudo mais!

Foforks cresceu, tem cerca de 4 mil visitas únicas diárias, está beirando 1 milhão de page views e é um trabalho um tanto quanto altruísta. É justamente aquele lance de “A criação ganha vida e assusta o criador”, que toma todo o meu tempo livre e meu tempo não-livre também, mas é feito com amor, e isso está em cada post. O que eu ganho com isso? Geralmente é essa pergunta que algumas pessoas vêm direcionando a mim. Ganho satisfação, preencho meu tempo com algo útil, ajudo as pessoas e no final das contas posso dizer como anteriormente “Estou muito bem, obrigado”.

Acho que é isso, tou aprendendo bastante. Tanto a me policiar mais – sabendo encarar coisas negatvivas e transpondo coisas desagradáveis – quanto criando novos laços de amizade, fazendo o que  gosto (escrever) e me sentindo de certo modo mais útil. Aos poucos vou registrando mais coisas aqui, pra mim mesma, como sempre foi,  até porque acredito que depois de tanto tempo o reduzido número de pessoas que aqui entravam não marcam presença mais.

tchau.

h1

Mudar é preciso…

julho 1, 2008

Blog de cara nova! Sabe, é bom mudar às vezes. Você tem a sensação que vai surpreender alguém e começa a encarar as coisas de um outro modo. Acho que mudança foi algo que eu sempre encarei como uma forma positiva e talvez isso tenha me ajudado a superar certas coisas ao longo dos anos. Quando você se permite mudar significa também que tá se abrindo pra novas oportunidades e está disposto a encarar a vida de forma mais otimista. Sempre que me sinto fraca eu procuro contornar o caso fazendo algum tipo de transformação, mesmo que seja de opinião. O problema é quando a mudança vem sem você querer, quando é coercitiva. Ah, ai não tem pra onde! É como se você tivesse que terminar uma refeição já estando satisfeito, é quando tudo parece perder a graça ou o sentido que você acreditava existir… e o rumo então? pra onde foi? O engraçado é que no final isso se torna piada e a história inteira não passa de uma “mudança maior”. Então, tudo fica bem e é a isso que eu me apego quando sou coagida a mudar: ao “gran finalle”.

h1

maio 24, 2008

Eu não morri.

Ainda estou viva (ainda bem), porém sem tempo (lê-se sem criatividade).
Pra muita gente é fácil atualizar um blog a partir de uma busca por coisas interessantes na web ou de curiosidades alheias. Não tenho o “dom” pra fazer críticas nem resenhas de livros ou filmes, portanto tenho que me virar com minha inspiração. O curioso é que ela deriva apenas das minhas decepções ou da minha sensibilidade. Costumo observar muito os outros e comentar algo a partir de então. Porém, nunca fui boa nessas coisas de escrever, nem muito menos inventar histórias. Gosto de descrever o que sinto quando vejo algo pertubador, ou extravaso através das palavras o que ninguém saberia escutar. É a minha maneira de mostrar minhas perspectivas, de ser entendida.

Sei nem se alguém lê isso aqui…

h1

Primeiro de abril: uma mentira que um mentiroso inventou.

abril 1, 2008

pipi.jpg

Desde pequena sempre curti as brincadeiras do 1° de abril. Não diferentemente, esse ano já contei a minha 😛
Resolvi então divulgar algumas mentiras legais vinculadas no dia de hoje, entre elas, estão as do Google, que aderiu essa brincadeira há 4 anos.
Em 2008 o tema abordado foi uma ferramenta de relacionamentos que prometia estabelecer uma ligação entre perfis de pessoas com gostos e interesses comuns. Uma das outras três mentiras foi confirmando que o Google estaria contratando profissionais para sua Base na Lua. A segunda revelava que seu sistema de buscas usava Pombos para criar rankings e apresentar resultados, enquando a última era sobre o serviço MentalPlex, que adivinharia o que o internauta está pensando.
Outras duas criativas e ‘interessantes’ são as que se referem ao ganhador do BBB8, Rafinha e a VJ da MTV Marimoon.

O que difere o 1° de abril dos outros dias, é que hoje a gente não finge que acredita nas histórias mal contadas. Vamos então paroveitar as umas 3 horas do dia da mentira, porque depois da meia noite só poderemos dizer verdades (essa é a minha mentira)…

h1

Grafologia?

março 19, 2008

Estava eu navegando por sites inúteis quando me deparei com um banner que dizia “Grafologia“.
Grafologia, no caso, seria o estudo da sua personalidade a partir da sua escrita. Curiosa como só eu sou, resolvi fazer o tal teste. Confesso que não sou muito apegada a essas coisas, mais algumas características até que me pertencem, assim ainda levo um grátis um post inútil.
Ai vai as minhas respostas e seus respectivos significados:

ZONAS SUPERIOR E INFERIOR AUSENTES
Você é uma pessoa imediatista, não apresenta grande motivação para as atividades diárias mas possui desejos evoluidos no âmbito moral e religioso.
(lê-se preguiçosa)

PERPENDICULAR
Você possui atitudes de equilíbrio, educação, presença e polidez mas é um pouco frio aos primeiros contatos.
(sou a própria stonehenge)

LETRAS TOTALMENTE LIGADAS
Você possui forte raciocínio lógico, direcionismo e habilidade numérica, mas não é muito criativo.
(mentira, sou criativa e burra pra caramba)

ESCRITA EM GUIRLANDAS
Sua personalidade é bastante amável, sensível e prestativa; tem predisposição forte ao erotismo
(sou sensível, mas sexy é demais!)

ESCRITA PEQUENA
Sua modestia e reserva são notáveis, bem como sua cautela para agir.
(modesta, eu?)

ESCRITA RETA
Sua forma de ver o mundo é com bastante equilíbrio; sua forma de agir é sempre calma e organizada.
(sou zeeeeeen)

PRESSÃO MUITO LEVE
Seu estado mental é de grande sensibilidade, receptividade, refinamento de ações mas com pouca iniciativa.
(como diria a minha mãe: não solta um peido a favor do vento!)

MODERADA
Você é calmo observador; é uma pessoa realista mas um pouco acomodado.
(denovo me chamaram de preguiçosa? mas o que é isso? ¬¬)

Pra quem se interessar, é só clicar aqui.